Seu blog sobre Indústria 4.0

Entenda como o iPRIMUM é a solução ideal para a integração de sistemas industriais acontecer de forma positiva na Indústria 4.0.

A ferramenta iPRIMUM pode apoiar você de forma simples, rápida e integrada.

No ambiente industrial há uma crescente necessidade de estabilização de processos, integração com sistemas industriais e controle estatístico de produção industrial. Para que com isso, seja possível ter maior previsibilidade e visibilidade do que acontece em todas as áreas da fábrica.

Entre todas as ferramentas que você já possui na indústria, como SAP, PIMS e Oracle, pode parecer um desafio impossível ter uma integração e visualização gerencial de toda fábrica. E justamente para facilitar tudo isso, foi criada a plataforma iPRIMUM.

Como o iPRIMUM pode ajudar você a fazer a integração com sistemas industriais?

iPRIMUM é uma plataforma composta por dez softwares que busca facilitar a integração entre as áreas de operação e manutenção da indústria. Com ele é possível ter uma gestão precisa e simplificada com controle das perdas de produção, análise de falhas e tantas outras funcionalidades.

Dessa forma, com controles precisos, a gestão guiada por números é praticada em sua integridade. Atualmente a gestão baseada em experiência e instinto já não tem mais espaço. Em contrapartida, é preciso saber exatamente onde agir e como priorizar melhorias de processos baseado em dados.

A integração com sistemas industriais é um dos pilares da Indústria 4.0. Afinal, é um apoio importante aos gestores em inúmeros aspectos, incluindo o controle estatístico da produção industrial. 

Através da integração com sistemas industriais e controle estatístico da produção industrial, pode-se entender melhor o passo a passo dos processos. Aplicando, portanto, melhoria contínua sempre que necessário e garantindo estabilidade dos processos.

Quais são os módulos do iPRIMUM e com quais sistemas se integra?

Os dez módulos do iPRIMUM foram projetados pensando na funcionalidade das plantas industriais. Segue abaixo quais são eles e suas funcionalidades:

1. iDashboards: 

Crie árvores de indicadores com indicadores de integração calculados ou informados; apuração de resultados em gráficos individuais ou painéis para gestão a vista, reunião de resultado e etc.

2. iProduction:

Registre, acompanhe e controle as principais ocorrências e desvios que impactam em perdas de produção do seu processo industrial.

3. iProcess:

Monitore suas principais variáveis de processo produtivo (CEP) e verificação de forma integrada com seus sistemas industriais.

4. iFailure: 

Conduza a análise e tratativa de problemas críticos a partir de um ciclo PDCA guiado step by step.

5. iMeets: 

Registre, acompanhe e controle atas de reunião e suas ações de modo simples e amigável.

6. iLoops: 

Monitore mudanças no controle de troca de malha (automático/manual) de equipamentos da área industrial.

7. iSafety: 

Registre e controle seus Incidentes e Quase Acidentes mantendo a segurança pessoal e patrimonial.

8. iRoutes: 

Planeje e execute suas rotas de inspeção operacional e de manutenção via App/Mobile totalmente integrado com seu sistema de Manutenção (SAP/PM).

9. iReliability: 

Monitore os indicadores de Confiabilidade, MTTR e MTBF de forma online integrada.

10. iChanges: 

Controle a gestão de mudanças. Registro e e controle das mudanças no ambiente industrial seja da manutenção, operação, segurança, meio ambiente, e entre outras, podendo acompanhar ações decorrentes do processo de mudança e o controle de provações das áreas impactadas.

Certamente nesse momento você já entendeu como a integração com sistemas industriais é fundamental para o melhor funcionamento da sua indústria. 

Porém deve estar surgindo aquela dúvida: “Preciso trocar todos os meus sistemas operacionais para ter o iPRIMUM e tornar minha indústria 4.0?

A resposta é não! O iPRIMUM possui a funcionalidade de integração com diversas ferramentas já utilizadas no mercado, entre elas:

  • SAP;
  • PINS;
  • ORACLE.

Além da integração com sistemas como:

  • ERP;
  • MES;
  • SCADA;

Com isso você pode ter todos os benefícios da integração vertical. Além disso, iniciar ou dar mais um passo para a Indústria 4.0 e otimizar sua fábrica. Por fim, a estabilização de seus processos é vantajosa, podendo ter a visibilidade de cada um do início ao fim.

Especialmente considerando que tudo isso é disponibilizado em uma visão holística simples e intuitiva. Não há necessidade de contratar mão de obra especializada para a sua utilização. Sua própria equipe, e você também, poderão acompanhar em tempo real os indicadores da sua indústria de forma didática.

Como o iPRIMUM gera resultado?

O iPRIMUM gera resultado para a sua indústria com a integração com sistemas industriais em 3 níveis:

  1. Nível de Produção
  2. Nível Operacional
  3. Nível de Gestão Corporativa

O nível de produção integra monitoramento, controle e supervisão, geralmente através do SCADA.

Para o nível operacional, há integração entre planejamento, gestão de qualidade e eficiência pelo sistema MES. No nível de gestão corporativa tem-se o ERP para gerenciar pedidos, planejamento e processos.

Diferenciais e exemplos práticos:

Com o iPRIMUM há conexão dos sistemas específicos usados nas etapas acima, interligando dados. Fazendo as informações da indústria fluírem entre todos os níveis hierárquicos de maneira rápida e eficiente.

Portanto, com isso é possível embasar com dados e diminuir tempo para tomada de decisão melhorando a gestão industrial. Além de elevar a produtividade, monitorar o ciclo de vida do maquinário e acompanhar a produção em tempo real.

Trazendo alguns exemplos práticos de impacto positivo na indústria da integração com sistemas industriais:

  • ERP + MES: 

Conecta gestão corporativa e gestão industrial, resultando em cronogramas de produção alinhados com a produção realizada;

Com isso garantimos a melhor gestão da indústria com a transparência que os gestores precisam e a agilidade que a ponta precisa. Consequentemente estabilizando processos, integrando sistemas e com controle estatístico, gerando decisões baseada em dados.

O iPRIMUM veio para substituir o SAP?

O SAP há alguns anos veio para revolucionar a gestão de informação dentro das indústrias. Por isso, atualmente é uma das ferramentas mais utilizadas para essa gestão.

Com a quarta Revolução Industrial, a Indústria 4.0, veio também a necessidade de uma integração não apenas no nível ERP, mas em todos os níveis de chão de fábrica à gestão da planta.

Portanto o iPRIMUM não veio para substituir o SAP, e sim para integrar ele e todos os outros níveis de gestão industrial para fornecer uma visão única, simples, completa e em tempo real da sua fábrica.

Com o iPRIMUM você pode identificar e solucionar problemas facilmente. Dessa forma, não existe necessidade de extração e análises manuais de dados para chegar às soluções.

Nesse sentido, o iPRIMUM veio para revolucionar a gestão da informação, da mesma forma que o SAP fez no passado. Agora caminhando para indústrias cada vez mais 4.0.

Pronto para trazer a transformação da integração com sistemas industriais para a sua indústria?

Compartilhe:

Mais artigos

Sentiu falta de algum conteúdo? Manda uma sugestão para a gente!